Radiofrequência: Conheça todos os benefícios desse tratamento!

Radiofrequência: Conheça todos os benefícios desse tratamento!

Se você está buscando uma solução para a flacidez corporal ou facial, não deixe de ler o nosso artigo de hoje, pois vamos apresentar o tratamento estético que está sendo considerado o melhor para estimular a produção de colágeno, promovendo rigidez e a sustentação da pele. Além da flacidez, a radiofrequência também trata celulites, estrias e os sinais da idade, como rugas e marcas de expressão, além de oferecer vários benefícios para quem faz cirurgias como lipoaspiração ou para eliminação de lipomas, além de outros benefícios para a sua saúde e a sua beleza, como falaremos a seguir.

O que é Radiofrequência?

A radiofrequência é um tratamento estético realizado através de um aparelho que emite ondas eletromagnéticas que atingem as camadas mais profundas da pele, e ao aumentar a temperatura local (entre 38°C a 40°C), aumenta também a circulação sanguínea e a oxigenação dos tecidos, além de estimular a formação de fibras de colágeno, que são responsáveis pela firmeza e sustentação da pele.

O tratamento é indolor, rápido e seguro, não deixa sinais na pele (além da quentura ou vermelhidão causadas pela quentura, que some logo em seguida), e as sessões duram cerca de 20 minutos.

Como funciona?

O tratamento com radiofrequência tem duas etapas. Uma é imediata, quando o profissional aplica um gel condutor nas manoplas para o aparelho aquecer as camadas mais profundas da pele (derme, onde fica a camada de gordura), que pode chegar até a 60°C enquanto o aparelho indica uma temperatura máxima de 41° na epiderme (camada mais externa) e faz um lifting, que é a contração das fibras de colágeno e elastina.

O profissional conduz o aparelho em movimentos circulares como se estivesse fazendo uma massagem, para atingir toda a área tratada.

A segunda etapa do tratamento é feito enquanto a pele descansa, durante os 15 dias entre uma sessão e outra.  Essa etapa é chamada de neocolagênase, que é a estimulação do fibroblasto para aumentar a produção de colágeno e formar novas fibras, deixando a pele mais hidratada e mais firme.

Radiofrequência no tratamento da flacidez

Como falamos, a maior indicação da radiofrequência é a redução da flacidez, e isso é possível porque o aquecimento favorece a drenagem linfática e diminui os níveis de toxinas e líquidos, além de aumentar a circulação na área, melhorando o metabolismo do tecido subcutâneo de gordura e a aparência da pele. A formação de novas fibras de colágeno também permite que o tecido adquira firmeza.

radiofrequência no corpo para celulite

Radiofrequência para celulite

Como o calor atinge as camadas de gordura (tecido adiposo), que é uma das principais causas da formação de celulite, a radiofrequência também é indicada para tratar as inflamações causadas pela celulite e melhorar o aspecto de casca de laranja da pele.

Radiofrequência no rosto

Como falamos, a radiofrequência contrai as fibras de colágeno e elastina da pele e estimula a produção de novas fibras de colágeno, e por isso é um procedimento muito feito no rosto. O tratamento com radiofrequência facial geralmente é feito ao redor dos olhos e da boca, na testa, nas maças do rosto, no queixo e na papada (parte que acumula gordura abaixo do queixo), que são as regiões que tendem a ficar mais flácidas e com rugas e linhas de expressão.

O tratamento facial é um pouco diferente do corporal, porque o aparelho não desliza sobre a pele, e sim emite pequenos jatos, como se fosse um laser, diretamente na área tratada.

A indicação dos profissionais (fisioterapeutas ou esteticistas especializados) é que a radiofreqüência no rosto seja feita a partir dos 30 anos, e apesar de os resultados já serem observados na primeira sessão, o ideal é fazer pelo menos 4 sessões de 30 minutos, com intervalo de 15 dias entre as sessões.

Quem pode fazer Radiofrequência?

A radiofrequência é indicada para adolescentes e adultos que tenham a pele íntegra, ou seja, sem lesões. Para o tratamento de acne e cicatrizes, é indicado que o profissional faça uma avaliação antes do início do tratamento, para saber se a radiofrequência é mesmo o melhor tratamento.

Não é recomendado para gestantes.

Quanto custa?

O valor de cada sessão de radiofrequência pode variar de acordo com a região que você mora, com a parte do corpo que você vai tratar e a quantidade de sessões que você vai precisar fazer para ter bons resultados.

Replies: 0 /
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Post Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *